À esquerda:Rafael Sakaita Savimbi. À direita: Isaías Samakuva

À esquerda:Rafael Sakaita
À direita: Isaías Samakuva

É quase inevitável a disputa fictícia entre dúpla  Samakuva vs Sakaíta, agora também chamados “dupla sa-sa”, no congresso que se vai realizar em 2015. Este acto enfrenta oposições internas, nomeadamente da parte do general Numa, que segundo fontes próximas ao político, poderá remeter ao partido novo pedido de impugnação à candidatura de Isaías Samakuva.

Fontes internas, avançam que houve um acerto prévio entre Sakaíta e Samakuva, que encerra duas maquinações, nomeadamente:

– Victória de Isaías Samakuva: nessa perspectiva o filho de Jonas Savimbi, poderá assumir a vice-presidência do partido e vai ter como missão limpar a imagem do seu pai, bastante debilitada pelos horrores e crimes hediondos por ele cometidos, o que lhe valeu o título de terrorista internacional.

-Victória de Sakaíta: essa será uma opção, caso as críticas internas contra Samakuva se tornem insuportáveis e coloquem em causa a estabilidade interna do galo negro. Aqui, Rafael Massanga Sakaita Savimbi, deverá enquanto líder do partido propor o nome de Isaías Samakuva, para o Cabeça de Lista nas eleições de 2017, revogando qualquer directiva estatutária ou outra que obrigue que seja o presidente do partido a preencher exclusivamente essa vaga. O argumento será “maior experiência de Isaías Samakuva”.

Se Samakuva não vencer as eleições de 2017, o que é provável que aconteça, poderá candidatar-se após o fim do mandato de Sakaita, para daí começar uma dança de trocas arquitectadas, ao estilo de “Medvedev-Putin”.

Do que se pode sentir, o ambiente interno da UNITA não é muito saudável. Uma coisa é certa, a UNITA vai sair debilitada desse Congresso e as contestações internas viradas contra Samakuva, vão aflorar-se nesse período.

Estaremos aqui para ver e contar essa história da dupla da UNITA “Sa-Sa”.

 

 Redação: Ditos do Baú

About Patriota

Patriota, que aborda a política angolana, com isenção, imparcialidade e rigor analítico.

One response »

  1. Joshua Quiteculo diz:

    O “Ditos do Baú” assume que é um instrumento nas mãos do regime angolano. Por isso temos orgulho nos fretes que fazemos ao Governo o que, aliás, corresponde ao que diz o escolhido de Deus, o nosso querido Presidente José Eduardo dos Santos, que Angola é o MPLA e o MPLA é Angola. E é por isso que, agora e sempre, nós aqui no “Ditos do Baú” ajudamos a varrer do nosso país todos os que não veneram o nosso querido líder. Para esse feito usamos tudo quanto for necessário, até mesmo fuzilar quem não estiver de acordo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s