ImagemUm repórter da Rádio Cazenga, levou ao conhecimento público um acto que marcou e entristeceu arredores do famoso e antigo bairro da Terra Vermelha. Uma conversa política, em que era suposto haver o respeito da opinião contrária, terminou em morte.

Aconteceu na madrugada do dia 05 de Agosto. Numa sentada entre amigos, como já virou hábito entre os jovens, bebendo e conversando, aliado ao debate político que cada vez mais caracteriza a nova geração de jovens, dois rapazes bipolarizaram o debate em torno das manifestações. E assim tudo começou.

Adriano Constantino, natural de Ambaca, Kwanza Norte, de 21 anos de idade, é “revolucionário” e proferia acesas ofensas à Polícia Nacional, dizendo que esse órgão estava ao serviço do Presidente José Eduardo dos Santos. Alfredo Matumona, da província do Uíge, agente de trânsito, tentou, defender a acção da coorporação, afirmando que “em qualquer país, a polícia bate e cumpre ordens superiores. Um polícia não é político, ele cumpre ordens e executa”.

A discussão acesa, tomou outros contornos, quando Adriano, ofendeu a mãe do Alfredo, que por sua vez, ripostou. O militante da CASA-CE sem se aperceber que estava a lidar com um agente da polícia, pegou na cerveja que estava em suas mãos supostamente devido ao efeito do álcool, e atirou-a à cabeça do seu oponente aleijando de imediato, em seguida recebeu a garrafa de Whisky que estava a ser consumida por uma das testemunhas desse episódio e perfurou o pescoço de Alfredo que se contorcia com a dor e a surpresa primeiro ataque que sofreu.

O sangue não parava de sair e acabou por morrer há 10 minutos de distâncias do Hospital Municipal do Cazenga. O Bairro da Terra Vermelha, presenciou assim um caso de intolerância ideológica que levou à morte um servidor do Estado angolano.

Contactamos uma fonte polícial que pediu o anonimato, acrescentou apenas, que os partidos políticos devem ter cuidado, pois, existem ideologias que podem fomentar ódios e incompreensões.

About Patriota

Patriota, que aborda a política angolana, com isenção, imparcialidade e rigor analítico.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s