“Jaume du Pont” empresa mista de Chivukuvuku e  Kangamba na RDC

 Os políticImagemos angolanos continuam a desapontar os angolanos, e entendemos hoje o desabafo de Nelo de Carvalho, quando diz que seria bom que a UNITA acabasse, assim combateríamos melhor a corrupção.

A empresa Jaume DuPont, sedeada no sul da RDC, explorando diamantes, é uma empresa de capitais público-privado,  entre empresários franceses, angolanos, e congoleses democratas, cuja actividade é feita há 15 anos naquele país vizinho.

Os accionistas angolanos, são Bento Kangamba, com uma participação de 15% e Abel Chivukuvuku com cerca de 11,7% equivalendo como é óbvio, a vários milhões de dólares.

Conta nossa fonte, que os dois accionistas angolanos, raramente se falam e evitam todo o tipo de contacto para não levantar suspeitas sobre o pacto empresarial.

Jaume Dupont, já solicitou licença para explorar diamantes em Angola. A razão que leva Abel Chivukuvuku a guardar segredo sobre sua fortuna e negócios, ainda é desconhecida. Internautas já haviam questionado a forma como seu filho esbanja dinheiro em festas milionárias nos EUA.

About Patriota

Patriota, que aborda a política angolana, com isenção, imparcialidade e rigor analítico.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s